<$BlogRSDURL$>
Doidimais Corporation
Pesquisa personalizada
sábado, dezembro 24, 2005
 

UM FELIZ E CHUVOSO NATAL

Ao som de The BloodHound Gang - Uhn Tiss Uhn Tiss e

Jennifer Saunders - Holding Out for a Hero [Shrek 2] e

Star Ocean Summertime OC Remix

Madame Presidente,

eu sei que, estando em férias, o DOIDIMAIS CORPORATION deveria ter atualizações mais constantes; mas acontece que viajar sempre foi das coisas que mais contribuem para a grande narrativa que é a vida. Ora, o autor destas linhas esteve viajando pelo Estado de São Paulo nos últimos dez dias or so, vivendo incríveis e extraordinárias aventuras (a maioria delas completamente inesperada).

Desnecessário dizer que a viagem foi pontuada por típicos momentos dos modelos: uma mesa ao redor da qual se sentam pessoas de três ou quatro regiões do país, conversando confortavelmente como se se conhecessem há anos, divertindo-se com a miríade de sotaques e trocando histórias de guerra.

E é sempre bom para nossos insaciáveis egos ouvir coisas como: "nossa, mas você que é o Cedê?" e "se o delegado do Nepal não ganhar, é marmelada".

Ah, e tem aquele tal lance também. Pois é.

Mas enfim, sempre é bom ganhar XP.

***

No último Natal, deixei considerações sobre a Declaração Universal dos Direitos Humanos e sobre como o Brasil as viola em atos que nos parecem prosaicos e despercebidos.

Este ano, deixo parte do log de uma conversa emeesseênica (não messiânica!) que tive com meu velho amigo e de quem sou fã, o Iago, sobre aquele lance da vida ser uma grande narrativa (vocês podem conferir no post de 3 outubro). Isto é relevante porque tive conversas nos últimos dias a respeito. Não é a vida uma grande história? Há uma comunidade no orkut "Minha vida parece um seriado". E não esse exatamente o lance? Escrever capítulos, visitar lugares, encontrar e desenvolver um sem-número de personagens...?

O lance é deixar um livro legal para seus netos. Inda que eles não devam lê-lo até se tornarem mais velhos!

***

Arlequim / Pierrot diz:

Claro que preferi muito muito o primeiro tópico do blog. [ referindo-se ao post de 3 outubro de 2005]

Mesmo que nosso ponto de vista de juventude seja só uma fase, mesmo que quando ouçamos música assim quando velhos e não sintamos nada, esta fase não perde seu significado. Transitoriedade não anula o propósito. Bem porque se anulasse, a própria vida perderia qualquer esperança de ter sentido.

Cedê diz:

bem colocado

Arlequim / Pierrot diz:

Quando você falou do arrepio na espinha pude sentí-lo literalmente. É engraçado como chamar atenção a isso amplificou mais ainda o efeito da música sobre mim. E isso que você fala da sensação que dura poucos segundos, a que surge nos momentos de grande inspiração... acho que todos sabemos o que é ^_~ eu diria que é o Glamour correndo solto em nossas veias.

Arlequim / Pierrot diz:

*glamour é um conceito de Changeling: The Dreaming, o jogo mais legal da White Wolf.* [nota do Editor: um RPG no qual os jogadores encarnam criaturas sobrenaturais]

Cedê diz:

sim, sim, ouvi falar sobre ele no jogo

Cedê diz:

oposto da Banalidade [nota do Editor: um conceito no jogo, oposto ao Glamour]

Cedê diz:

nossa, que bom que consegui suscitar o arrepio na espinha pelo texto . espero que faça isso com mais pessoas.

Arlequim / Pierrot diz:

Se tem algo que aspiro como propósito de vida no momento, colocando em poucas palavras, é viver todos os momentos sob o efeito desta sensação. É inundar toda a vida com mistério, é fazer com que cada movimento, ato, intenção reverbere pelo mundo.

Cedê diz:

descreveu o que eu também quero perfeitamente

Arlequim / Pierrot diz:

Bem, suponho que você esteja acima de entender Glamour e Banalidade como pontinhos na planilha de personagem. Glamour é o joie de vivre, é aquilo que sentimos quando somos crianças, que o mundo é infinitamente misterioso e interessante, tudo parece grande e novo, as coisas são mais divertidas e intensas. É também o poder imaginal de tornar cabos de vassoura em lanças.

Cedê diz:

sim sim

Arlequim / Pierrot diz:

Banalidade é a lembrança chata de que tem aula amanhã de manhã. É a fila de banco, o dever de casa, o método científico, as regras da boa convivência... Em alguma medida, mal necessário; em outra, grande estraga-prazeres.

Cedê diz:

muito bem escrito.

Arlequim / Pierrot diz:

^_^

Cedê diz:

nossa, ´vontade de usar essas coisas num discurso ... posso?

Arlequim / Pierrot diz:

Claro que sim ^^

Cedê diz:

vou dizer... "um sábio amigo me contou..."

Cedê diz:

coisa assim

Arlequim / Pierrot diz:

auhahuhua tá, só dessa vez vou perdoar você por me chamar de sábio ~.~'

Arlequim / Pierrot diz:

apesar de que é WHITEWOLF apud IAGO

Cedê diz:

rein hagen apud Iago...
***


Bem, é isto. Que todos tenham um Filisch Natal!

 

Peixes:
Comments: Postar um comentário
A corporação mais lucrativa, subversiva e informativa do planeta. Doidimais Corporation- expandindo pelo mundo para que você expanda o seu. Doidimais Corporation- ajudando você a ver o mundo com outros olhos: os seus. Doidimais Corporation- a corporation doidimais. doidimaiscorporation[arrouba]gmail[ponto]com

ARQUIVOS
Fevereiro 2004 / Março 2004 / Abril 2004 / Maio 2004 / Junho 2004 / Julho 2004 / Agosto 2004 / Setembro 2004 / Outubro 2004 / Novembro 2004 / Dezembro 2004 / Janeiro 2005 / Fevereiro 2005 / Março 2005 / Abril 2005 / Maio 2005 / Junho 2005 / Julho 2005 / Agosto 2005 / Setembro 2005 / Outubro 2005 / Novembro 2005 / Dezembro 2005 / Janeiro 2006 / Fevereiro 2006 / Março 2006 / Maio 2006 / Junho 2006 / Agosto 2006 / Março 2007 / Maio 2007 / Junho 2007 / Dezembro 2007 / Março 2008 / Maio 2008 / Junho 2008 / Agosto 2008 / Março 2009 /


Powered by Blogger