<$BlogRSDURL$>
Doidimais Corporation
Pesquisa personalizada
domingo, setembro 26, 2004
 

UMA RESPOSTA À ALTURA

Ando perdendo várias idéias para textos, algo que não é novidade para ninguém que freqüente o DOIDIMAIS CORPORATION. Ademais, vêm se acumulando vários comentários neste blog que não receberam respostas adequadas. Assim, este domingo será dedicado a responder alguns comentários aqui lançados. Isto não implica, claro, que eu esteja sem idéias - meu arquivo continua com umas qüarenta ou cinqüenta, prontinhas.

Decidi lançar respostas apenas aos comentários mais respondíveis - isto é, foram excluídos os elogios, bem como as críticas de discordância (por exemplo, o excelente comentário de Fábio sobre o post de 23 de setembro, que me deixou boquiaberto). Ambos são muitíssimo bem-vindos, mas respostas adequadas a eles exigiriam - com toda a certeza - um post para cada um, se não mais.

Da mesma forma, não falo sobre posts nos quais achei estranho que os comentários se concentrem num determinado ponto do texto e evitem por completo outro (voltando ao post de 23 de setembro, não esperava a ausência total de comentários sobre a história do velho sábio da taverna).

Sem mais - exceto as palavras que se seguem ao "sem mais" - vejamos.

***

Ahm...hein! Agora conta quem eh pra acabar com a desconfianca dos serios aqui. (Natália, sobre o post de 26 de maio)

Natália, é claro que eu não vou contar. E sim, continuam valendo as coisas escritas no texto.

fiquei curiosa pra saber quem eh a dona do comentário e o que ela falou...mas acho q vou morrer com essa dúvida, não é mesmo?! (Bárbara, sobre o post de 27 de maio)

Bárbara, ahn, não necessariamente. Basta fuçar nos comentários passados e você vai achar.

Ih, seu junho tambem comecou mal? (Natália, sobre o post de 5 junho)

Natália, você não entendeu absolutamente nada. Leia de novo.

Então era você mesmo no churrasco do CMDS... (Natália, sobre o post de 16 de julho)

Sim, claro.

AH, vale lembrar que a música "With a little help from my friends" na verdade foi composta pelo baterista Ringo Starr. (Fernando, sobre o post de 8 de agosto)

Na verdade, não. A música é de autoria da dupla Lennon - McCartney, e cantada por Richard Starkey. A comprovação científica se encontra em http://en.wikipedia.org/wiki/With_a_Little_Help_from_My_Friends

acho q eu vou ser o q nunca entende (Vidigal, sobre o post de 15 de agosto)

Será?

ta, ms o link pode voltar no tempo pra qdo ele tem 10 anos se ele quizer... (Aécio, sobre o post de 18 de agosto)

Ahn, isso é mencionado especificamente no texto.

Tem diário demais não. E quem foi que disse que desses seus "diários" não saem bons textos? Eu gosto. Abraços. (Gi, sobre o post de 22 de agosto)

daqui uns dias vc vai comecar os posts com: "querido blog". TIpo um diário online. (Vitor, sobre o post de 30 de agosto)

puta merda cede seu blog tá muito chato conta mais sobre coisas legais da sua vida e para de filosofar nesse grande boteco chamado blogspot. (Fábio, sobre o post de 19 de setembro)

Como vocês podem ver, a situação está muito longe de alcançar um consenso.

Se todo mundo no Brasil fosse realmente de esquerda, não estaríamos tão atolados nessa merda, e tão à mercê dos EUA. (Fernando, sobre o post de 9 de setembro)

Super-texto sobre isso em breve.

Ha, adorei o Gandalf bebendo água mineral... sim, eu estou consciente do quão inútil é meu comentário... ;) (Amanda, sobre o post de 9 de setembro)

Amanda, nenhum comentário é inútil¹. E como comentado por outro leitor, não há nenhuma garantia de que a garrafa na foto seja de água mineral.

Eu prefiro as antigas (pré-1998). Tipo Super King Kid e Batiago. XPP (Iago, sobre o post de 14 de setembro)

Eu ia dizer que você "desenterrou" essas memórias, mas acredito que os primeiros personagens estão tão vivos em minha mente quanto na sua.

Fred, tua lógica está truncada. Há um "necessariamente" no meio das frases da revista que dá um tom de absoluta incerteza quanto ao fato da revista ter ou não uma posição, e qual. (Iago, sobre o post de 19 de setembro)

Totalmente correto. Inclusive eu tinha isso em mente ao escrever o texto, não sabia ao certo se passaria despercebido ou não. Ainda bem que não passou. De qualquer maneira, os veículos revelam sua opinião numa coisa chamada "editorial", a qual praticamente todos eles têm, seja em todas as edições ou não.

Pq o neguim foi escrito c/ acento grave?! (Fernando, sobre o post de 23 de setembro)

A-ha! Sua percepção é ótima, parabéns - mas a memória nem tanto. Não se lembra da paródia de Kill Bill idealizada no post de 2 de maio?

***

Mais coisas num futuro próximo. Estou perfeitamente ciente de que esta última frase é dotada de nenhum poder explicativo, nem mesmo descritivo.

Obviamente, não me importo com isso.

¹ Eu poderia dizer que nada é inútil, mas isto tornaria a palavra "inútil" inútil. Touché.
 

Peixes:
Comments: Postar um comentário
A corporação mais lucrativa, subversiva e informativa do planeta. Doidimais Corporation- expandindo pelo mundo para que você expanda o seu. Doidimais Corporation- ajudando você a ver o mundo com outros olhos: os seus. Doidimais Corporation- a corporation doidimais. doidimaiscorporation[arrouba]gmail[ponto]com

ARQUIVOS
Fevereiro 2004 / Março 2004 / Abril 2004 / Maio 2004 / Junho 2004 / Julho 2004 / Agosto 2004 / Setembro 2004 / Outubro 2004 / Novembro 2004 / Dezembro 2004 / Janeiro 2005 / Fevereiro 2005 / Março 2005 / Abril 2005 / Maio 2005 / Junho 2005 / Julho 2005 / Agosto 2005 / Setembro 2005 / Outubro 2005 / Novembro 2005 / Dezembro 2005 / Janeiro 2006 / Fevereiro 2006 / Março 2006 / Maio 2006 / Junho 2006 / Agosto 2006 / Março 2007 / Maio 2007 / Junho 2007 / Dezembro 2007 / Março 2008 / Maio 2008 / Junho 2008 / Agosto 2008 / Março 2009 /


Powered by Blogger