<$BlogRSDURL$>
Doidimais Corporation
Pesquisa personalizada
sábado, junho 19, 2004
 
BOLETIM

Tenho agora as notas de meu primeiro boletim universitário...

FILOSOFIA I 97
HISTÓRIA DAS R.I.92
INTRODUÇÃO À ECONOMIA 77
INTRODUÇÃO ÀS R.I. 95
PLANO DE INVESTIGAÇÃO I 96
POLÍTICA I 67
SOCIOLOGIA I 80

TOTAL 604 / 700 (86,28%)
DE 0 A 5 4,31

É, acho que não está nada mal...

***

Hoje acordei cedo para um aquecimento para o AMUN, a simulação universitária da ONU realizada em Brasíla. Representei o Zimbábue, país que amo de coração. Recebi sorrisos e elogios dos demais delegados (apesar de, claro, os prêmios terem ido não para mim, mas para os delegados da Espanha e da França, aliás muito bem merecidos, eu como diretor faria o mesmo), mas o que importa é que gostei do modo como o estudo de Internações Relacionais melhorou - e muito! - minha atuação. Até agosto do ano passado, eu pensava que o Zimbábue era de direita (!)¹. Mas agora, utilizando argumentos da teoria dependentista², pude exercer um de meus esportes favoritos: falar mal da Inglaterra. O diretor do comitê gostou especialmente de minha frase de abertura - a qual penso em cingir merecida trademark - que utilizei em todos os discursos:

Representants of the world...

Com entonações variadas - seja falando alto e chamando todos ao apelo ou falando baixo e tentando um tom de cumplicidade amigável, seja falando lentamente com sotaque muito forçado ou num tom o mais normal e natural possível - a frase pode soar como boas-vindas, ter efeito cômico, ou meramente chamar a atenção. Eu não percebi que gostava tanto dela até me chamarem a atenção para o fato. Tampouco sabia que somente eu a uso - ninguém já teve (ou pelo menos usou) uma idéia tão simples, unir palavras que parecem tão obviamente ligadas.

Um bordão que inventei hoje, e também usei em todos os discursos(mas serve só para países reclamões), foi "former colonial superpowers". No momento mais alto do dia, eu disse "let us all do the world a favor and vote against the United Kingdom". Infelizmente, a delegada do Reino Unido absteve-se da resolução. Mas os EUA votaram a favor, o que me deu satisfação para votar contra. Como sabem, as resoluções da ONU são votadas em ordem alfabética, e o bom de ser o Zimbábue é que você sempre é o último a votar. Assim, você pode sempre ver o que todo mundo votou... e fazer o contrário.

A propósito, a resolução não passou. Ações preventivas não serão reconhecidas pela ONU como legítimas. Por dois votos.

***

Mas basta de Internações Relacionais. Por ora. Liguem no AXN nos dias de semana às 16:00. É uma horinha saudável que consegue conter meu ócio. Durante sessenta minutos, é claro. Passa um desenho animado feito em computação gráfica, muito bem-feitinho até, cuja história se desenvolve num mundo de fantasia medieval. Alguns personagens e eventos lembram o caríssimo Caverna do Dragão. Que aliás está passando de manhã. Por ora.

¹ Na bandeira do Zimbábue têm uma baita duma estrela vermelha.

² Conteúdo de Internações Relacionais à primeira vista, na verdade nem é isso. É apenas aquela doutrinação esquerdista a qual você está acostumado - mate a saudade no colégio mais perto de você.
 

Peixes:
Comments: Postar um comentário
A corporação mais lucrativa, subversiva e informativa do planeta. Doidimais Corporation- expandindo pelo mundo para que você expanda o seu. Doidimais Corporation- ajudando você a ver o mundo com outros olhos: os seus. Doidimais Corporation- a corporation doidimais. doidimaiscorporation[arrouba]gmail[ponto]com

ARQUIVOS
Fevereiro 2004 / Março 2004 / Abril 2004 / Maio 2004 / Junho 2004 / Julho 2004 / Agosto 2004 / Setembro 2004 / Outubro 2004 / Novembro 2004 / Dezembro 2004 / Janeiro 2005 / Fevereiro 2005 / Março 2005 / Abril 2005 / Maio 2005 / Junho 2005 / Julho 2005 / Agosto 2005 / Setembro 2005 / Outubro 2005 / Novembro 2005 / Dezembro 2005 / Janeiro 2006 / Fevereiro 2006 / Março 2006 / Maio 2006 / Junho 2006 / Agosto 2006 / Março 2007 / Maio 2007 / Junho 2007 / Dezembro 2007 / Março 2008 / Maio 2008 / Junho 2008 / Agosto 2008 / Março 2009 /


Powered by Blogger